Carmen Miranda 100 anos

Ilustração de Elias Silveira (http://eliassilveira.blog.uol.com.br)

Carmen Miranda, nascida em Portugal, em 9 de Fevereiro de 1909, entrou para a história por ser independente quando as mulheres da época eram submissas. Carmen mostrava ter um amplo domínio do canto e nos anos 30, época de ouro da música popular, ela já era a maior estrela brasileira.
Ela reinava em teatros, cinemas, rádios e casinos da época. Adotou trajes cheios de balangandãs e plataformas, pelos quais é mundialmente conhecida.
Carmen recebeu o apelido de "Pequena notável", por César Ladeira, conquistou os EUA em 1939, antes de ir para Hollywood, onde foi considerada comediante.
Morreu em 5 de Agosto de 1955, em Bervely Hills, e foi enterrada no Rio de Janeiro.

Dia 9 Carmen Miranda completaria 100 anos, e é homenageada no Museu Carmen Miranda, no bairro do Flamengo no Rio, onde estão expostas 3.560 itens que pertenceram a ela, sendo 461 peças de roupas.
Serão apresentados filmes em que ela atuou, debates, talkshows e palestras. As roupas de Carmen passaram por uma restauração cuidadosa.
Carmen Miranda nunca saia de casa simplesinha, um traje completo incluía um número de acessórios, além da roupa em si, o que somavam em média 16 partes.
O museu possui ainda fotografias, cartazes, panfletos, programas de shows e até contratos assinados por ela.
Quem mora no Rio de Janeiro, vale a pena conferir o museu dedicado a cantora.

Endereço é: Av. Rui Barbosa (em frente ao nº 560) - Flamengo
Cep: 22.250-020 - Telefone: (21) 2299-5586
E-mail: mcarmenmiranda@funarj.rj.gov.br

Funcionamento:
3ª a 6ª feira, das 11h às 17h
Sábado, domingo e feriados, das 13h às 17h
Entrada Franca

0 comentários

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Related Posts with Thumbnails